No X Fospa, estande do Banco do Povo apresenta ações de combate à pobreza

Ivaneide Lima, 39 anos, do Movimento de Mulheres do Tapanã, foi uma das visitante do estande do Banco do Povo de Belém, da Prefeitura de Belém, durante o X Forum Social Pan-Amazônico (X Fospa), nesta sexta-feira, 29, no Mirante do Rio da Universidade Federal do Pará (UFPA). Ela veio conhecer as iniciativas do programa de qualificação profissional Donas de Si e do crédito solidário, os quais estão apoiando pequenos empreendedores da capital paraense.

Ajuda para reformar – “Me chamou a atenção o estande do Banco do Povo porque vendo lanches em casa. Eu sou chefe de família, moro só com a minha filha numa casa de madeira”, conta Ivaneide, que recebe auxílio financeiro do governo federal. “Tenho equipamentos, como freezer e estufa, mas queria uma ajuda para reformar o meu espaço e eu também queria fazer cursos para aprender a fazer outros itens de alimentação”, completou.

O estudante de Ciências Contábeis da UFPA, João Felipe Santos, 23 anos, também se interessou em conhecer os projetos do Banco. “Achei muito interessante. Não conhecia o crédito da Prefeitura de Belém para pessoas de baixa renda”, comentou.

Terezinha Oliva, também do Donas de Si, vendeu comidas típicas. (Foto: Marcos Barbosa/ Agência Belém)

Distribuição de panfletos – No estande do Mirante do Rio, o Banco do Povo realizou a distribuição de panfletos e prestou informações sobre as ações realizadas, além de fazer degustação das geleias produzidas por uma das alunas do curso de processamento de frutas e produção de doces, do programa Donas de Si.

À tarde, o prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, visitou o estande do Banco do Povo, onde ganhou uma cocada saborizada de bacuri para degustação.

Além disso, na feira de alimentação montada no espaço do Vadião, três ex-alunas do Donas de Si, comercializaram produtos, como Elisa Lisboa, do bairro do Jurunas. No primeiro dia da feira, ela vendeu geleias e cocadas que aprendeu a fazer no curso. “Está sendo muito bom pra mim”, destacou.

Sucesso – “A presença do Banco do Povo no X Fospa considero um sucesso. Nosso estande desperta a curiosidade por apresentar um programa completo que oferece qualificação profissional e crédito e que tem resultados para mostrar. Nas feiras da alimentação e artesanato (do Fospa) as  pessoas podem comprovar a polticia do banco”, apontou a coordenadora-geral do Banco do Povo, Georgina Galvão.

“A nossa demonstração gerou curiosidade, algumas pessoas nos procuraram para discutir conosco possibilidades de parceria, como plataformas digitais para divulgar empreendedores, oferecer cursos e dar acesso a programas e projetos para o enfrentamento da pobreza”, concluiu a coordenadora-geral.