O que você procura?

No Círio, Gigi Furtado e Adriana Azulay emocionaram os romeiros, da varanda do Banco

• Atualizado há 1 ano ago

Neste domingo do Círio de Nazaré, que atraiu multidão às ruas de Belém após dois anos de pandemia, o Banco do Povo, da Prefeitura de Belém, que fica situado no percurso da procissão, voltou a apresentar grandes atrações para animar a romaria.

A cantora Gigi Furtado acompanhada da pianista Adriana Azulay desfilou um repertório emocionante de canções nazarenas, como: “Eu sou de lá”, “Círio outra vez” (ambas do Padre Fábio de Melo), “Ave Maria dos seus andores” (Jaime Redondo e Vicente De Paiva) e “Zouk da Naza” (Almirzinho Gabriel). A artista teve como convidados os cantores Lorena Monteiro e Marcos Salgado, que estrearam no Círio deste ano.

Fachada decorada do Banco do Povo de Belém.

Momento especial

Na véspera, na Trasladação, se apresentaram no Banco do Povo o guitarrista Manoel Cordeiro e o saxofonista Santi López.

“Foi lindo e emocionante. Estava esperando ansiosa por esse Círio, após dois anos. Foi incrível cantar para Nossa Senhora de Nazaré. A gente esperou tanto por esse Círio, quando ele veio com um convite desses (de cantar na varanda do Banco do Povo) foi melhor ainda, deixou o dia ainda mais especial”, declarou Gigi. 

“Foi uma maravilha, muito emocionante poder acompanhar esse mar de gente com toda essa homenagem à Nossa Senhora de Nazaré. Agradeço a oportunidade de contribuir junto com a Gigi Furtado”, destacou Adriana.

Gigi Furtado no canto de devoção e fé.

Lorena emocionou os romeiros com o clássico “Círios” (Vital Lima e Marco Farias). Ela cantou pela primeira vez no Círio a convite de Gigi e disse que a sensação é indiscritivel.  “A minha conexão com Maria iniciou ainda criança. Acompanho todos os anos e estava sedenta de ver a cidade se movimentando através da fé. Realizei algo hoje que queria fazer há muito tempo. Fiquei muito feliz”, contou.

Já Marcos Salgado, que vive em Bragança, veio assistir a procissão pela primeira vez e já conseguiu cantar para a Virgem de Nazaré. “Foi surreal porque eu cresci num lar evangélico. Achei que tudo emociona (no Círio), move emoções e faz a gente refletir sobre a nossa fé e a nossa crença”.

Lorena Monteiro e Marcos Salgado foram os cantores convidados.

Convidados emocionados

A psicóloga Michelle Malcher ficou entusiasmada com a programação do Banco do Povo. “Adorei a cantora Gigi Furtado, ela canta demais. E fiquei muito feliz de poder ver de perto a berlinda com a Imagem Peregrina”, comentou. A funcionária do Banco, Edi Rodrigues, disse que “a cada ano nos surpreendemos ainda mais com o Círio, a expectativa de tantas pessoas sempre supera o ano anterior, neste caso há dois anos atrás. Poder ver a mãezinha de tão pertinho é muito precioso! As manifestações de fé tocam no fundo meu coração”.

A programação do Banco do Povo foi prestigiada pelo secretário municipal de Economia, Apolônio Brasileiro, por alguns parlamentares, além de funcionários e de convidados, que foram recebidos pela coordenadora-geral do Banco, Georgina Galvão.

Veja também